Um Prêmio Fnac com um toque da lamúria, por favor!

Bom, olá, olá!
Eu não tenho um motivo em particular pra estar aqui. Bom, esse é o blog mais pessoal dos blogs pessoais que eu conheço, uma vez que ele só trata de mim, praticamente.
O caso é que saiu o resultado do Prêmio Fnac (Adiado em praticamente 2 meses) e meu conto não foi escolhido. Na verdade, como nunca recebi e-mail algum de confirmação de envio do conto, eu terei para sempre o benefício da dúvida. O conto pode não ter ido.
Mas também não estava uma Brastemp.
Não é hoje que eu vou ser escritora. Isso não me magoa tanto quanto eu achei que magoaria.
Eu tenho dito isso a mim mesma desde os 15, quando engavetei meu primeiro livro. Não é hoje que eu vou ser escritora. Talvez em um ano, quando eu estiver mais madura. Talvez em dois ou três... Ou seis ou sete.
Eu nunca paro de escrever, mas nunca chego a lugar algum, o que pode ser muito deprimente em certos momentos. Como hoje.
Contudo, mesmo não tendo sido escolhida, acredito que fiz um bom trabalho. Talvez não em resumir meu conto à 15.000 caracteres (Sim, foi um resumo de uma parte do conto original, que, sem terminar, já estava mais do que o dobro do permitido de caracteres), mas eu acredito na minha ideia, acredito que, quando terminado, este conto pode dar algo realmente bom,se eu trabalhar nele com todo o amor, todo o respeito e todo o comprometimento que eu tenho dentro de mim.
Era só um desabafo.
Espero que você aí, que está lendo isto, esteja bem.
Até breve, então? :)




- Postado por: Tenie F. Shiro às 18h52

[ ]

___________________________________