Diário de um sonho

Na verdade, tinha me esquecido de como era maravilhoso quando a história flui tão perfeitamente que você mesmo se sente levado por ela, maravilhado, esperando por mais. Leitora e Autora. Tudo ao mesmo tempo. Isso é tão... Lindo. Tão mágico. Não sei nem como descrever.
Hoje estou no capítulo 7. Comecei isto há algumas semanas. Eu diria que lá pelo dia 12/07.
Entre meus próprios dilemas sobre a história, refugiei-me nela enquanto pensava. Entre as turbulências, a história que quis abandonar cresce, floresce e me leva pela mão. Tudo o que precisei foi dar a ela o que ela me pediu desde o começo: uma chance de ouvir meu coração sobre o que gostaria que fosse.
De tao envolvida que estou nesse meu mundo novo, nem sequer consigo ler outros livros. É bom, pois evita que eles me influenciem de qualquer forma.
E agora percebo que não consigo lê-los porque estou entretida com outro livro. Meu livro. Meu, sim. Digo com orgulho.
Fruto de meu amor, de meu suor, de meu esforço. Não fruto da raiva e da mágoa, como o primeiro. Agora, está tudo certo.
Quero saber como será o final. Ele será como eu estou imaginando agora? Ou a história me levará por rumos inesperados? Eu estou ansiosa pra descobrir.
Em madrugadas como esta, penso em como sou feliz e destemida quando munida de minhas palavras. Quando dentro da história, nada mais temo. Sou capaz de tudo.
Acho que, por vezes, chego a ficar em estado de graça enquanto escrevo.
Vamos ver aonde isso me leva, não?




- Postado por: Tenie F. Shiro às 06h11

[ ]

___________________________________




Faz muito tempo que não venho aqui, mas hoje senti uma necessidade sem tamanho de voltar ao lugar onde comecei... É meio como voltar pra casa. Tá tudo como você deixou, do seu jeito, e sempre traz conforto.
Lembro de sempre me sentir melhor depois de vir aqui e desenrolar um rosário de preocupações e medos... E tudo ficava bem depois.
Hoje é dia do Escritor. Há muito tempo, eu descobri uma coisa que sempre esteve comigo.
Eu tinha 8 anos quando decidi que queria ser escritora. De lá até hoje, muita coisa aconteceu. E a cada dia que passa sinto mais e mais vontade de seguir em frente. O tempo passou. Tô na USP, tenho 18 anos e toda uma vida pela frente, mas o que eu sempre quis da minha vida, que é ser escritora, parece estar tão distante... Parece que nunca vou conseguir.
Com 5 anos, escrevi minha primeira história. Eu ditava, minha mãe escrevia. Depois, eu ilustrei. A partir daí, fui fazendo minhas próprias histórias... Com 12 anos, comecei a escrever fanfics e com 14 escrevi meu primeiro livro. O livro que eu nunca aceitei e que joguei às traças porque não segui aquilo que eu queria.
E, neste tempo todo, tudo o que eu fiz foi duvidar da minha capacidade! Foi ter medo do que iam dizer, do que iam fazer, de como minha família ia reagir... Até hoje, eu só fiquei hesitando e esperando, esperando, enquanto eu poderia ter dado as caras, aberto as asas e... Ido em frente.
Hoje é dia do Escritor. Quero dar parabéns a todos os escritores, formais e informais, publicados por editoras ou publicados na internet, ou mesmo aqueles que ficam com vergonha de mostrar o que rascunham. E quero que hoje seja um marco. O dia em que fiz o que o Marketing têm me ensinado: Você nunca vai voar se ficar discutindo todas as possibilidades enquanto ainda estiver no chão. Saía voando e, aí, você vai se empenhar mil vezes mais em resolver os problemas que vierem.
Como sempre, me sinto tão melhor agora, que terminei de escrever. Sentia falta disso. Muita falta mesmo.
Aguardem notícias minhas.
Bisous,

Tenie F. Shiro




- Postado por: Tenie F. Shiro às 21h00

[ ]

___________________________________