Não sei o que dizer... =/

Boa noite, meninas!
Tudo bem?
Aqui anda tudo normal. Meu furo na orelha deu uma inflamadinha, mas ele está anormalmente ótimo! O_O Mamãe nem acredita. Quando ela viu que tinha inflamado um pouquinho, ela disse que ainda bem, se não inflamasse, eu não ia ser normal! XDDDD
Aliás, agradeço imensamente aos comentários, meninas! E, pras meninas que são novas por aqui, prometo linkar em breve (é que o site do Uol não é exatamente amigável, sabem? ¬¬')! ^^/
Bom, eu não tenho nada de interessante pra dizer... Já estou quase na página 400 de HP e a Ordem da Fênix, assim que eu acabá-lo, vou continuar minha leitura de "Os sete", de André Vianco. Eu me animei muito com esse livro, e comecei a pensar que, com tantos escritores bons por aqui no Brasil, por que nos voltamos tanto pros escritores internacionais?
Se nós nos voltassemos mais para os escritores nacionais, se nos interessassemos mais por novos escritores nacionais, creio que pessoas como eu, que querem ser escritores, teriam mais chances.
Por falar nisso, a editora
LivroPronto tem uma proposta muito interessante com relação a isso! Apesar de pouco conhecidos, eles têm obras realmente interessantes e, o melhor, todas nacionais!
É uma editora que merecia atenção.
Aliás, se vocês derem de cara com o livro "Aprendendo a ser feliz", bem, vale a pena dar uma olhada! É o segundo livro de um amigo do meu tio Wagner, David. Ele é realmente muito legal, e é uma pessoa ótima! Mandei um e-mail pra ele ontem, perguntando sobre umas coisas de livros e editoras, e ele foi realmente muito legal em me responder um monte de perguntas e, além disso, me encorajar!O(*---*)O
Mudando de assunto, ultimamente andei tendo idéias malucas... Insanas! Insanas sem dúvida! Tão insanas que, hoje cheguei pra Bru, uma amiga minha, e disse que supondo que eu quisesse formar uma banda de rock com uma inclinação pro vampiresco, como eu faria? Ela me explicou algumas coisas, me explicou a diferença entre um baixo e uma guitarra (mas, apesar de ela ter me explicado muito bem, eu sou uma anta musical, logo, é preciso de um manual 'como entender sobre música - Para idiotas' XDDD Eu sou péssima!)... Bom, mas, enfim, isso é só o começo de minhas idéias insanas.
Ando colocando-as em prática, quero ver onde podem me levar. E acho que vão me levar bem longe...
Não digo que sejam idéias inconsequentes, que envolvam coisas ruins ou qualquer coisa assim, mas, sabe quando uma pessoa vive confortavelmente num lugar, com seu emprego normal e tudo certo, mas, aí, do nada, ela resolve jogar tudo pro alto e fazer tudo outra vez, de um jeito diferente?
De certa forma, é isso que eu estou fazendo. Saindo da zona de conforto e me arriscando.
Mas, pra quem não tinha nada pra falar, já falei demais.
Pois bem, agora eu já vou indo!
Tenham um ótimo fim de semana!
Kisus,
Tenie F. Shiro.




- Postado por: Tenie F. Shiro às 22h48

[ ]

___________________________________




I miss you all... \iwi/

Boa noite, leitoras!
Como vocês estão hoje?
Eu estou normal.
Hoje, minha tia Eugênia (irmã da minha avó materna, Myriam), e meus primos Suzie, Sarah e Arthur (Suzie é a mãe da Sarah e do Arthur ^w^), vieram aqui. Jeitinho meio "cinco aninhos" de começar um post, né? XD Mas, o importante é que vocês entenderam o recado, né? :P Pois bem, meus avós maternos (Myriam e Juracy), meus tios e minha mãe sempre foram muito próximos das irmãs e irmãos da minha avó, principalmente minha tia Eugnênia, e minhas tias Eunice, casada com um irmão da vovó, e Mercedes (Tia Nice e Tia Tede XP), e todo mundo foi criado mais ou menos junto, sabe? Minha mãe e os irmãos dela (Wagner e Valdir) com os meus primos e tal.
Já nós, da geração seguinte, não fomos tão próximos. Minha prima Suzie mora no Paraná, eles vêm aqui nas férias só, e meus outros primos, apesar de morarem aqui, não dá pra ficar indo um na casa do outro. Dá pra perceber que a gente é mais próximo da Tia Nice e da família dela, porque eles moram mais perto e meu tio Valdir (que tem uma pequena gráfica) faz uns serviços gráficos pro meu primo Alê, então, a gente tá sempre em contato.
Mas eu gosto muito muito da tia Eugênia e da Suzie, da Sarah e do Arthur. Eu e a Sarah (que vai fazer 21 anos esse ano) sempre brincamos juntas quando a gente era criança. Ela sempre vinha nas férias e a gente brincava praticamente todos os dias. *---* Sempre fomos muito amigas.
Teve um tempo em que escriviamos cartas uma pra outra, eu ficava esperando, todo dia eu ia ver! *-*
Sinto falta desses tempos, sabe? E também sinto muita falta deles, gosto de conversar com a Sarah, ela é muito amável e é muito bom conversar com ela. O Arthur também é legal, mas não nos falamos tanto.
Minha tia Eugênia sempre lembra que, quando a Ellen, minha irmãzinha, era bem pequena, uns três ou quatro anos, o Arthur (que agora vai fazer 18 anos) pegou alguma coisinha dela (acho que do Kinderovo, sei lá) e ela disse assim pra ele "Seu idioto! òxó" XDDDDDD Minha tia sempre dá risada disso, e nós também, claro! A Ellen nem lembra, eu acho XP
Mas, depois que eles foram embora hoje (disseram que farão o possível pra voltar antes de irem pro Paraná), eu fiquei triste, com um negócio nostalgico e tal. Sinto saudades deles, e é tão bom revê-los. Sei lá... Espero que a gente se fale bastante esse ano.
Mas, pra finalizar o post, eu gostaria de pedir que, quando vocês tiverem tempo, darem uma passada no blog da minha amiga Sáh, o
Endless Love.
Eu espero que vocês gostem de lá. A Sáh é bem legal e foi um prazer ter feito o lay pro blog dela! ^~d
Bem, acho que é isso.
Como sempre, vou respondendo os comentários ao pouquinhos. Muito obrigada por eles! ^^V
Espero que tenham uma ótima semana!
Kisus,
Tenie F. Shiro.




- Postado por: Tenie F. Shiro às 21h55

[ ]

___________________________________